O celebrado grupo norte-americano volta ao país para lançar seu novo trabalho em turnê por três capitais brasileiras.
Em São Paulo, o show faz parte do Live Music Rocks e a banda inglesa KEANE fará os shows de abertura

Com uma pegada musical única, que vai do romântico ao dance, apontado pela crítica como irreverente e sexy, o MAROON 5 – grupo californiano que conquistou a cena pop nos últimos anos, desde que lançou seu primeiro disco em 2002, vencedor de três prêmios Grammy e com mais de 17 milhões de álbuns vendidos ao redor do mundo – está de volta ao país em agosto, para uma nova turnê que será vista em três capitais brasileiras.
Produzida pela XYZ Live, a etapa brasileira da nova turnê mundial da banda , que apresenta seus maiores sucessos além das músicas do novo álbum, “Overexposed” – com lançamento previsto para o dia 26 de junho no Brasil – chega dia 26 em São Paulo, dentro do projeto Live Music Rocks. A banda inglesa Keane, que também está lançando seu novo disco, Strangeland, faz os shows de abertura.
As vendas para a terceira edição do LIVE MUSIC ROCKS começam 00h01 no dia 28 de junho.
Maroon 5
O quarto álbum de estúdio do grupo de Adam Levine (vocal), James Valentine (guitarra), Mickey Madden (baixo), Matt Flynn (bateria) e PJ Morton (que substitui Jesse Carmichael nos teclados) é considerado pela própria banda como um dos discos mais pop da carreira e traz sucessos instantâneos como Payphone, One More Night, Beautiful Goodbye, Doin’ Dirt e Fortune Teller. “Ao mesmo tempo em que há vestígios do passado o disco aponta para uma ideia nova. Mais do que qualquer coisa, acho que este disco diz que é sempre bacana tentar, que você deve sempre estar disposto a dar um passo além da zona de conforto”, resume Levine.
O Grammy de Melhor Artista Novo em 2005 foi apenas o primeiro reconhecimento da banda que vendeu 17 milhões de discos no mundo, e recebeu diversos Discos de Ouro e Platina em mais de 35 países além de 16 prêmios. Sua mistura de rock e R&B já era vista no álbum de estreia Songs About Jane (2002), que depois de emplacar o single Harder to Breathe, conquistou o mundo com This love, que alcançou o 1º lugar no Brasil, e ainda com She will be loved e vendeu 12 milhões de cópias no mundo, faturando 26 Discos de Platina. O segundo trabalho demorou cinco anos mas It Won’t Be Soon Before Long, de 2007, não decepcionou e vendeu 5,5 milhões de cópias, colecionando hits como Makes Me Wonder – que ficou três semanas no topo da parada da Billboard –, Wake Up Call, Won’t Go Home Without You e If I Never See Your Face Again, com participação de Rihanna.
Em 2010 o grupo lançou Hands All Over, puxado pelo mega hit Moves like Jagger, que tinha a participação de Christina Aguilera, e que liderou as paradas em 2011 em 18 países e se tornou uma das canções mais bem pagas da história graças ao gigantesco número de downloads. Com esta música no topo da parada Hot 100 da Billboard, Adam Levine se tornou o primeiro artista nos 53 anos de história da parada a alcançar o primeiro lugar como integrante de um grupo ao mesmo tempo em que figurava no Top 10 como artista solo, com sua participação na música Stereo Hearts, do grupo Gym Class Heroes. O terceiro disco do Maroon 5 também produziu outros sucessos como Misery, Stutter, Out Of Goodbyes e Hands All Over. Além de seu trabalho à frente do Maroon 5, Adam Levine é uma das estrelas do programa The Voice, da NBC, como coach dos cantores aspirantes ao sucesso.
Keane
Com 10 milhões de cópias vendidas de seus três primeiros álbuns e muitos prêmios no currículo, Keane, a banda inglesa de Tom Chaplin (vocal), Tim Rice-Oxley (teclado), Richard Hughes (bateria) e, desde 2011, Jesse Quin (baixo), volta ao Brasil para apresentar o novo disco, Strangeland, que traz hits como Silenced By The Night e Disconnected. Formado em 1995, o grupo lançou seus primeiros singles em 2000 – Call Me What You Like e Wolf At The Door –, mas só alcançou o sucesso dois anos depois com Everybody’s Changing e This Is The Last Time, que abriram as portas da gravadora Island Records para um contrato. O disco de estreia, Hopes and Fears (2004), colocou definitivamente o grupo no mapa da música. Vendeu seis milhões de cópias e conquistou nove Discos de Platina e dois Prêmios Brit, graças ao som ao mesmo tempo romântico e de pegada rock como Somewhere Only We Know, Everybody’s Changing e Bedshaped.
Em 2006, o grupo lança o intenso e quase obscuro Under The Iron Sea, que consolidou a posição da banda no cenário mundial. Perfect Symmetry veio dois anos depois trazendo uma guinada no som da banda. Sax, vozes sintetizadas e até uma serra marcaram uma fase mais pop e solar para o Keane, que se traduziu em sucessos como Spiralling e rendeu o Prêmio Q de Melhor Tema do Ano. A turnê mundial que se seguiu passou por 28 países, incluindo Rússia, Austrália, Japão, Líbano, Coréia do Sul e Brasil. Foi durante a turnê que gravaram o EP de oito faixas intitulado Night Train, que chegou às lojas em 2010, com canções como Stop for a Minute, com a colaboração do rapper K’naan, e Ishin Denshin (You’ve Got to Help Yourself) , com a participação da cantora japonesa Tigarah.
LIVE MUSIC ROCKS
O Live Music Rocks é um projeto anual de shows que traz ao Brasil nomes importantes do cenário da música internacional. A XYZ Live prevê 10 edições ao longo de 2012. Morrissey e Noel Gallagher já se apresentaram. Todas as performances são multiplataforma, pois, enquanto os shows acontecem no palco, há transmissão ao vivo pelo sistema live streaming, garantindo audiência via computadores, smartphones e tablets.

 
Topo